Imagem: Bamako (Mali), entre 1948 e 1963. Foto de Seydou Keïta/ Contemporary African Collection (CAAC) - The Pigozzi Collection

Seydou Keïta

  • Entidades Organizadoras

    IMS - Instituto Moreira Salles
  • Considerado um dos precursores dos retratos de estúdio na África, Seydou Keïta (1921-2001) deixou um registro precioso das expressões e dos costumes de Mali, onde nasceu. O IMS Paulista apresenta, em 136 fotografias, um recorte da extensa produção do fotógrafo, realizada entre 1948 e 1962. #KeitaNoIMS A mostra inclui 48 tiragens vintage, em formato de 18 x 13 cm, ampliadas e comercializadas pelo próprio Keïta em Bamako, nenhuma delas jamais mostrada no Brasil. As demais 88 obras são fotografias ampliadas na França, sob a supervisão de Keïta, ao longo da década de 1990, quando sua obra é redescoberta no país e também nos Estados Unidos. Em formatos mais clássicos (40 x 50 cm e 50 x 60 cm) ou francamente murais, chegando a 1,80 x 1,30 m, sinalizam a entrada do seu trabalho num circuito internacional de galerias e museus. Curadoria de Jacques Leenhardt, diretor da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais de Paris, e Samuel Titan Jr., coordenador executivo cultural do IMS.

  • Dónde

    Instituto Moreira Salles - IMS Paulista / São Paulo, Sao Paulo, Brasil
  • Inauguración

    17 abr de 2018  /  18:00

  • Artistas que participan en Seydou Keïta


    Comisarios/Curadores de Seydou Keïta



Recibe alertas de eventos como éste

ArtCity

Descárgate ArtCity, la app que te dice que exposiciones tienes cerca.

descargar