“Os dias lentíssimos...sem ninguém”

  • Entidades Organizadoras

    Mosteiro de Tibães
  • Após tomar contacto com “O Medo” de Al Berto, revela-se a necessidade de criar um corpo de imagens baseado no universo emocional deste poeta. Este foi o ponto de partida de um projeto fotográfico de carácter simbólico que, se numa primeira fase consistia num conceito de ânerie urbana não balizada, rapidamente sentiu a importância do território para a sua plenitude. Inicia-se nesta fase um ciclo de imagens captadas territorialmente na vila de Sines, espaço que foi encarado como um elemento testemunhal e não como cenário base a um levantamento fotográfico. Nasce uma série fotográfica composta pela complementaridade evolutiva desses dois períodos de captação de imagens. No decorrer do processo criativo, com o evoluir da densidade na abordagem pictórica e da resposta sensitiva ao livro mater bem como ao importantíssimo registo auditivo de partes do mesmo, maturava-se a necessidade de dar resposta a duas naturezas diferenciáveis da obra adquirida. Se por um lado a partilha desta passava por uma revelação gurativa num espaço expositivo, por outro surgia a necessidade de intimidade transposta das peças livro, curiosamente a reinterpretação mimética do arquétipo de todo o projecto... o início e o fim deste... o livro.

  • Dónde

    Mosteiro de Tibães / Mire de Tibães, Braga, Portugal
  • Inauguración

    17 sep de 2017  /  15:00

  • Artistas que participan en “Os dias lentíssimos...sem ninguém”


    Eventos relacionados con “Os dias lentíssimos...sem ninguém”

     

     



Recibe alertas de eventos como éste

ArtCity

Descárgate ArtCity, la app que te dice que exposiciones tienes cerca.

descargar